Afisa-PR

Opinião da Direx: a mudança de comando na DG(SANTE) da Comissão Europeia

Sem que se garanta plena credibilidade e confiabilidade —  que só a fiscalização agropecuária pública pode oferecer, para o desgosto dos neoliberais brasileiros —, o Brasil pode enterrar suas expectativas de "retomar a exportação" a pleno vapor de proteína animal para a União Europeia (UE). A intenção de privatizar a fiscalização agropecuária pública está absolutamente fora de cogitação

Opinion of the Direx: the change of command in DG (SANTE) of the European Commission to ensure full & Without credibility and reliability — that only agricultural public inspection oversight can offer, to the chagrin of the Brazilian neo-liberal —, the Brazil can bury their expectations of "resume export" the full blast of animal protein to the European Union (EU). The intention to privatize agricultural public inspection is absolutely out of the question

  

Crédito imagem: John Thys/AFP/Getty Images


Segundo a notícia Brussels bulletin: A round-up of news and views from the EU (por Niamh Michail) da Food Navigator de 14 de setembro de 2018, no início deste ano, a Saúde e Segurança dos Alimentos — DG(SANTE) da Comissão Europeia que, no início deste ano, auditou a inspeção pública de produtos de origem animal do Brasil: a consequência desta auditoria foi o Regulamento de Execução (UE) nº 2018/700.

A DG(SANTE) é responsável pela política europeia de saúde e segurança dos alimentos e pelo controle da aplicação da legislação na União Europeia (UE). Assim sendo, sem que se garanta plena credibilidade e confiabilidade —  que só a fiscalização agropecuária pública pode oferecer, para o desgosto dos neoliberais brasileiros —, o Brasil pode enterrar suas expectativas de "retomar a exportação" de proteína animal a pleno vapor para a União Europeia (UE). A intenção de privatizar a fiscalização agropecuária pública, por exemplo, está absolutamente fora de cogitação.

Não há mais espaço para qualquer amadorismo, ineficiência e politicagem contra o interesse público em fiscalização agropecuária tutelada pelo Estado.

A partir de 1º de outubro, Anne Bucher assumirá o cargo de diretora-geral da DG(SANTE). Bucher é cidadã francesa e trabalha na Comissão há 35 anos, onde se concentrou em economia e finança, desenvolvimento e política social e tributação. Nos últimos 10 anos, Bucher foi gestora sênior nas direções gerais da Comissão para assuntos econômicos e para redes de comunicação, conteúdos e tecnologia - DG(CONNECT). À Comissão, Bucher afirmou que traria sua posição de "experiência de sólida gestão e uma visão ampla das políticas da Comissão em uma variedade de áreas" que serão essenciais "nos momentos em que a gestão eficaz da saúde e da segurança alimentar está interligada com a economia e tecnologia".

Para um bom entendedor meia palavra basta.

 

Notícias vinculadas:

23-10-2018 - The Poultry Site & Brazil's BRF says cooperating with authorities in food safety probe [Brazil's BRF SA the world's largest chicken exporter, said on Friday it has been cooperating with authorities handling a probe into whether it colluded with health officials to evade food safety checks, lifting its shares 1 percent in early trading]

30-9-2018 - Associação dos Fiscais da Defesa Agropecuária do Estado do Paraná (Afisa-PR) & Fiscalização de produtos de origem animal do Paraná: MAPA presta esclarecimentos à Afisa-PR [As opções de "gestão pública" em detrimento de parte da fiscalização de produtos de origem animal do governo do Paraná são equivocadas e possuem potencial para colocar em risco a segurança alimentar da população paranaense: o governo Richa nomeou o staff comissionado em turno para o órgão de fiscalização agropecuária do estado; o governo Borghetti o manteve]

26-9-2018 - Associação dos Fiscais da Defesa Agropecuária do Estado do Paraná (Afisa-PR) & Carne de frango com Salmonella: relatório do RASFF da Comissão Europeia elencou o Brasil como "top 10" de rechaços nas fronteiras da UE [Brasil: "Top 10 - number of notifications by country of origin". É preciso fiscalização agropecuária pública — credibilidade e confiabilidade — plena e de excelência. É preciso valorizar o fiscal agropecuário público]

14-9-2018 - Food Nagivator & Brussels bulletin: A round-up of news and views from the EU [From calls for legislation on misleading food labels to new appointments at DG Sante, we round up the biggest news from Brussels affecting the food industry this month so far]

31-7-2018 - Associação dos Fiscais da Defesa Agropecuária do Estado do Paraná (Afisa-PR)& Exportação de carne: Comissão Europeia auditou o Brasil no início de 2018 & [Entre os dias 22 de janeiro a 5 de fevereiro deste ano, a Comissão Europeia auditou a fiscalização agropecuária efetuada pelo MAPA e seu DIPOA nos frigoríficos que na ocasião eram autorizados para exportarem carne à União Europeia (UE). Esta auditoria, em virtude das descobertas posteriores da Operação Trapaça, pode não ter sido decisiva para determinar a publicação do Regulamento de Execução (UE) 2018/700/Export of meat:  European Commission audited the Brazil at the beginning of 2018 & From 22 January to 5 February this year, the European Commission audited the inspection effected by the MAPA and your DIPOA in slaoughterhouses which at the time were allowed to export meat to the European Union (EU). This audit, because subsequent discoveries of Cheating Operation, may not have been decisive to determine the publication of the implementing Regulation (EU) 2018/700]

14-5-2018 - Associação dos Fiscais da Defesa Agropecuária do Estado do Paraná (Afisa-PR) & União Europeia (UE) publicou o Regulamento de Execução (UE) 2018/700 contra a carne do Brasil  [O Anexo do Regulamento de Execução (UE) nº 2018/700 discrimina a relação dos frigoríficos brasileiros que deixaram de se enquadrar no art. 12 do Regulamento (CE) nº 854/2004 da União Europeia, portanto, impedidos de exportar carne. O Estado do Paraná, líder na produção de carne de frango, é o maior prejudicado!/European Union (EU) published the implementing Regulation (EU) 2018/700 against the meat of Brazil & The annex of the Regulation (EU) No 2018/700 discriminate the relationship of the brazilians slaughterhouses who no longer fit in the article 12 of Regulation (EC) No 854/2004 of the European Union, therefore, prevented from exporting meat. The State of Paraná, leader in the production of chicken meat, is the biggest harmed!]

20-1-2018 - Associação dos Fiscais da Defesa Agropecuária do Estado do Paraná (Afisa-PR) & O "HIMP" piorado que tenta privatizar a fiscalização agropecuária ["No entanto, o FSIS não demonstrou verdadeiramente que o seu programa piloto de abate de suínos reduz as contaminações, e, portanto, as taxas de doenças. Ao contrário, a evidência disponível sugere que o HIMP para o abate de suínos irá minar a segurança alimentar"/The "HIMP" worsened that attempts to privatize agricultural surveillance "However, the FSIS didn´t demonstrate truly that your slaughter of pigs pilot program reduces the contamination, and therefore the rates of disease. On the contrary, the evidence available suggests that the HIMP for the slaughter of pigs will undermine food security"]

 

Veja também o  Facebook da Afisa-PR e   @AFISAPR da Afisa-PR