Afisa-PR

O 'prejuízo Brasil' decorrente da inaceitável desconstrução da fiscalização agropecuária pública

Enquanto as autoridades nacionais ficam apenas [de melhorar o sistema de fiscalização agropecuária pública] na promessa, a Food and Feed Safety Alerts (RASFF) da Comissão Europeia segue rejeitando cargas e mais cargas de carne frango devido a contaminação pela bactéria Salmonella

 

CE RASFF Salmonella

Fonte: Notificatinons list da European Commission

 

Enquanto as autoridades nacionais ficam apenas [de melhorar o sistema de fiscalização agropecuária pública] na promessa, a Food and Feed Safety Alerts (RASFF) da Comissão Europeia segue rejeitando cargas e mais cargas de carne frango devido a contaminação pela bactéria Salmonella

Até 14 de julho deste mês, segundo a Lista de Notificações da RASFF & Comissão Europeia, ocorreram dezoito (18) rejeições de fronteira (Reino Unido, Espanha, Países Baixos, França e Alemanha) contra a carne de frango do Brasil devido à contaminação por Salmonella.

Os regulamentos de saúde pública e de segurança alimentar da União Europeia (UE) não aceitam a privatização da fiscalização pública de produtos de origem animal como, lamentavelmente, intencionam o projeto de lei do Senado (PLS) 326/2016 e o projeto de lei (PL) da Câmara 334/2015).

 

Matéria vinculada: 

26-10-2018 - Associação dos Fiscais da Defesa Agropecuária do Estado do Paraná (Afisa-PR) & Segurança alimentar: alimentos inseguros custam US$ 110 bilhões por ano aos países de baixa e média renda [Estudo do Banco Mundial: seu economista agrícola líder e co-autor do estudo, Steven Jaffee, afirmou que os governos dos países de baixa e média renda — caso do Brasil, citado nesse estudo — precisam ser mais inteligentes para investir em segurança alimentar e monitorar o impacto das intervenções que fazem & Food security: Unsafe food costs US $110 billion per year to low and middle-income countries & World Bank Study: it´s leading agricultural economist and co-author, Steven Jaffee, said the governments of the low-and middle-income countries — the case of Brazil, cited in this study — need to be smarter to invest in food security and Monitor the impact of interventions that make]